feteag.png

CAMPO DE FLORES
Brasília [DF]

Uma simbiose de ritmo, poesia e movimento

Sobre o desempenho

“Penetre surdamente no Reino das Palavras” Campo de Flores se inspira nessa frase do poeta Carlos Drummond de Andrade, que traduz a efemeridade da poesia da mesma forma que a efemeridade na dança. A matéria da palavra, a própria palavra é o que mais encantava esse poeta mundialmente conhecido e reconhecido por sua forma de trazer a humanidade, o dia a dia, o concreto isso levava à transcendência. Os poemas escolhidos para compor a dramaturgia dor Campo de Flores carregam em sua temática a água, a terra, o amor e o vento. Em uma simbiose de ritmo, poesia e movimento por meio de tempo atemporal. Isso provoca no público uma proximidade com o lirismo estético que é a proposta da coreógrafa Laura Virgínia nesse trabalho. Os poemas utilizados são: “No meio do caminho” ;“ Canto do Rio em sol”; “Campo de Flores”; “Amar”; “O amor bate na aorta”; “Caso Pluvioso”; “Canção amiga”. Tudo começa no ambiente de nascimento do poeta Carlos Drummond trazendo os elementos que compõem uma vida mineira o café, o trem, o ferro, as montanhas. Segue com a vida pelo Rio de Janeiro admiração pela cidade, também o que se admira de paisagem nessa cidade que vai o encantando poeticamente. O miolo é dedicado ao amor do ponto de vista da água, pelo ponto de vista da terra, pelo ponto de vista do tempo, pelo ponto de vista do ar, pelo ponto de vista da chuva . E finaliza com a atemporalidade do poema Canção Amiga - sedimentando a memória do sentimento do desejo de união, a esperança da criança.

créditos

Coreografia, Direção e Roteiro: Laura Virgínia

Coreografia de Sapateado: Helena Macedo

Bailarinas: Cristiane Nina, Laura Virgínia e Monica Berardinelli

Filmagem: Anderson Corcino

Edição: Dmitri Valenca e Laura Virgínia

Identidade Visual: Bergamota criações em arte

Produção: Chang Produções

Livro incidental: Profetas em Movimento de Soraia Silva

AGENDA
12 OUT -  18h00
Praça da Conceição/Marco Zero
Caruaru - PE

LIVRE ACESSO

NA MÍDIA

2020: Artistas brasilienses da dança celebram o Dia do Bailarino com produções adaptadas à pandemia
Jornal de Brasília

2019: Margaridas Cia de Dança apresenta seus mais recentes espetáculos em curitiba

Bem Curutiba

2017: Companhia de dança Margaridas quer dançar a revitalização da W3 Sul, em Brasília

Agenda da Dança

Margaridas Cia de Dança

PARCERIA

211004_FTG_3l-branca_2x.png

APOIO

211004_FTG_3l-branca_2x.png
211004_FTG_3l-branca_2x_edited.png
211004_FTG_3l-branca_2x_edited.png

PATROCÍNIO

211004_FTG_3l-branca_2x.png

REALIZAÇÃO

211004_FTG_3l-branca_2x.png

REALIZAÇÃO

Teatro Experimental de Arte
Rua Carlos Laet 352, Indianópolis
Caruaru - PE
CEP 55026 -145

+55 81 999642555
teateatro.caruaru@gmail.com



SOCIAL

 

  • YouTube - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco
  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • Whatsapp